RebelSim: Funciona no Brasil?

Como nunca consigo esperar, comprei meu iPhone 3G após uma semana de seu lançamento. Acreditava que nossos amigos do iPhone Dev Team seriam ligeiros como sempre e liberariam um método de desbloqueio para o 3G antes mesmo do meu aparelho ser entregue em minha casa.

Bom, o iPhone chegou, as semanas passaram e tudo que o Dev Team fez foi liberar uma solução de Jailbreak. Plano B?! Desbloqueio via sim unlock. Depois de muito pesquisar, resolvi arriscar e comprei o Rebelsim (http://www.rebelsimcard.com/). Pedi logo o pacote mais completo. Vieram três chips (dois Rebelsim e um sem nome), um cortador de sim e um programador de sim. Fiz a insersão do Rebel em meu iPhone 3G com meu Vivo chip conforme intruções do site do fabricante: nada. Não funcionou. Foi então que resolvi testar o tal outro chip, sem nome que veio no pacote. Esse foi o meu erro! Além de não desbloquear o iPhone, a porcaria agarrou no interior do aparelho, daí para frente ocorreram uma série de problemas que culminaram por deixar o meu iPhone 3G novinho em folha inutilizado, em outras palavras, lixo.

O suporte técnico do fabricante se resume em um cara pelo MSN que só sabe te mandar ir assistir vídeos no YouTube. Pura enganação. Pode até funcionar em outros lugares ou com outros chips. Mas com a Vivo – ES não funciona.

Isto posto, você já deve imaginar o meu conselho, não é mesmo? Não compre Rebelsim!

Publicado por

Alexandre Rímolo

Nasci e vivo em Vila Velha - ES, Brasil. Tenho 26 anos de idade. Sou graduado em ciência da computação e curso MBA em Gestão Empresarial. Há mais de 8 anos trabalho com gerência e desenvolvimento de software, sobretudo com projetos voltados para a Internet. Tenho experiência em diversas linguagens de programação, mas meu foco sem dúvida sempre foi Java. Sou PMP e SCJP. Atualmente estou muito empolgado com a plataforma Adobe Flex e os clientes da Quadra 4 têm ficado realmente impressionados com o poder dos aplicativos Java + Flex que temos desenvolvido. Em minhas horas vagas tenho algumas atividades que não abro mão: aquarismo, pesca, torcer pelo Flamengo, consumir tecnologia e a principal que é estar ao lado das pessoas que amo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *